2005/03/06

O novo governo

Uma curta.
Fiquei estarrecido, quando ontem, numa televisão qualquer, ouvi um jornalista afirmar isto depois de ser anunciado o nome de Campos e Cunha para as Finanças. Isto foi " não precisamos de um homem forte para as finanças. Precisamos de alguém que seja um estudioso e não de um político forte."
Quando foi a escolha do Ministro das Finanças para o anterior governo, aqui à 4 meses(!) não foi afirmado precisamente o contrário? Ou terá sido impressão minha?
Mais uma vez se prova que o que vale para uns não é obrigatório para os outros.
Mudam as cores muda a vontade...

2 comentários:

AA disse...

Goste-se ou não, o facto é que graças a essas tiradas de génio dos nossos media, é cada vez mais um imperativo não deixar que os jornalistas influenciem a formação de Governos... mas não façamos julgamentos precipitados: ainda faltam os Secretários de Estado.

BSR disse...

O problema é quando os nossos media não influenciam deliberadamente uns e tortuosamente prejudicam outros. É esta sectarização dos media que me preocupa.